Ambiente de trabalho ideal para o televendas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

É comum recebermos dúvidas de nossos clientes sobre este assunto. Sempre recomendamos seguir as normas da NR17, disponível no Sintrapel – Sindicato dos Trabalhadores de Telemarketing do Brasil. Neste artigo vamos falar sobre as normas que regem o ambiente de trabalho dos operadores de telemarketing. 

E por que é tão importante seguir essas normas? Porque, antes de tudo, elas garantem a saúde e o bem-estar da sua equipe, o que é benéfico para as vendas e para os resultados da empresa como um todo. Dados do Sintrapel indicam que 36% dos operadores sofrem de lesão por esforço repetitivo (LER), 30% de transtornos psíquicos e 25% apresentam alguma perda auditiva ou de voz. Segundo, porque existem consequências trabalhistas que não podem ser ignoradas, como vamos abordar na sequência. Confira!

Como surgiu a NR17 e qual foi sua evolução

A NR17 é uma norma trabalhista antiga, surgida por volta de 1970, para regulamentar o trabalho das telefonistas. Depois, com o advento da informática, ela passou a regulamentar o trabalho dos digitadores. No ano 2000, em meio a explosão de callcenters e à privatização das teles, começou-se a discutir que o operador de telemarketing ou o atendente de callcenter nada mais era do que uma mistura da telefonista com o digitador, já que usava headset, ficava de frente a uma tela de computador e sentado durante todo o período de trabalho.

Todas as NRs existem para regulamentar doenças do trabalho. Com o tempo, as empresas passaram a encontrar uma série de subterfúgios como chamar de vendedor interno, inserir outras atividades para que ele não fosse considerado operador de telemarketing. Lá por 2007, tivemos a primeira revisão da NR17 que regulamentou, além do trabalho da telefonista e do digitador, o trabalho do teleatendimento ou do telemarketing. Isso não resolveu o problema, já que as empresas continuaram com o argumento de que não tinham esses profissionais no seu quadro. Somente em 2013, eles reformularam o texto da NR17 e conseguiram êxito, finalmente. 

No caso de uma fiscalização trabalhista, como já tivemos 4 clientes penalizados, ela vai exigir que a empresa se adeque em um prazo curtíssimo (geralmente não mais do que dez dias). Nesse caso, a empresa precisa fazer a adequação retroativa (por exemplo, em relação a horas extras, ela deve pagar todas as horas extras que o funcionário fez durante todo o tempo de empresa, incluindo os encargos trabalhistas sobre essas horas). 

A NR17 se divide em 2 capítulos, um do RH com todas essas normas, e o capítulo de equipamentos de proteção individual (EPIs), que determina o ambiente de trabalho ideal para o televendas, que é o foco deste artigo. 

Seguem algumas dicas, baseadas na NR17, para criar o ambiente de trabalho ideal para o televendas: 

1. Os operadores devem ter um treinamento de ergonomia, que inclusive a Futuremark ministra quando necessário. 

2. Na sala deverão conter as estações de trabalho, que podem ser compostas por mesas de 01m, separadas por divisórias (baias). Sugerimos um formato em L ou U, onde a supervisão possa visualizar toda a equipe.

3. Cada colaborador deve ter acesso a 01 ponto de rede e 01 ponto de telefonia.

4. Sugerimos que a supervisão tenha um notebook para ganhar mobilidade na operação.

5. A sala deve conter um quadro branco, monitor ou projetor, para divulgação dos resultados em tempo integral.

6. Siga todas as recomendações de ergonomia, como altura das mesas, das cadeiras, bem como outros detalhes importantes.

7. Forneça à equipe todos os equipamentos para o trabalho, como conjuntos de microfone e fone de ouvido (headsets) individuais, sempre de fácil uso e alcance.

8. O local deve ser dotado de condições acústicas adequadas à comunicação telefônica.

9. Atender aos requisitos para a prevenção da “síndrome do edifício doente”.

10. Garantir boas condições sanitárias e de conforto, como sanitários adequados e separados por sexo, local para lanche e armários individuais com chave, entre outras.

Recomendamos seguir as normas da NR17 que estão mais detalhadas neste link:

https://www.gov.br/trabalho-e-previdencia/pt-br/composicao/orgaos-especificos/secretaria-de-trabalho/inspecao/seguranca-e-saude-no-trabalho/ctpp-nrs/norma-regulamentadora-no-17-nr-17

Lembrando que o ambiente de trabalho saudável é aquele em que as pessoas se sentem bem, se relacionam harmoniosamente e se realizam como profissionais. A empresa só tem a ganhar com tudo isso. Fique atento!

Conte sempre com a nossa experiência e parceria. Até a próxima!

Gostou do artigo? Deseja opinar sobre este assunto?

Deixe o seu comentário!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como posso te ajudar?